Colunistas Paulo Colzani

Vasco de Norte a Sul deste País

Caro amigo vascaíno e vascaína, ser Vasco sempre foi uma honra, nossa história mostra q temos uma das mais belas e importantes trajetórias dentro do futebol brasileiro e mundial, mas concordamos que nos últimos 20 anos estamos precisando se apaixonar novamente a cada jogo, lembrando um pouco a história do filme “Como se fosse a primeira vez” onde o protagonista precisava conquistar a amada diariamente.

Nós vascaínos não estamos vivendo situação diferente da história fictícia nosso clube vive anos de incertezas e lampejos da nossa grandiosidade com contratos medíocres, obscuros e sem poder de barganha, resultados de anos de péssimas administrações e atualmente uma direção que chegou ao clube por linhas pouco respeitosas contrariando a vontade do sócio e do torcedor, mas essa parte estamos cansados de ouvir.

O verdadeiro sentido dessa postagem é falar do torcedor que mora longe do Rio de Janeiro e vive sempre na esperança de acontecer algum jogo do Vasco próximo a sua região para poder ir ao estádio e encher o peito de orgulho, viver aquelas duas ou três horas de paixão a flor da pele, aquele arrepio do momento em que o time adentra ao gramado e no coração e na mente com aquele sentimento de realização olhando aquela camisa e a sua faixa diagonal bem próximo, onde nada explica esse sentimento.

Esse torcedor precisa ter mais espaço nos planos de sócio porque ele quer fazer parte do clube mesmo a um, dois, dez mil quilômetros de distância porque o amor pelo Vasco se multiplica a cada centímetro longe  de São Januário a distância as vezes cria um vínculo de fidelidade tão grande quanto ao vizinho do caldeirão.

Vasco é sua diretoria precisam entender que o torcedor de fora está sempre disposto a viajar para qualquer estádio para apoiar o time em campo mas que precisa ter um reconhecimento se sentir valorizado coisa que nenhum diretor fez até agora.

Eu sendo de Santa Catarina torço cada dia mais pelo clube e ainda mais para que surja algo para que eu possa gastar meu dinheiro ajudando o Vasco a montar  bons times e a ganhar títulos porque se depender de paixão o Vasco sempre será para seu torcedor o maior clube do mundo, porque o amor não tem fronteiras.

O quanto Você Gostou do Post?

Deixe Seu Comentário