Destaque Notas Oficiais

Nota Oficial – BENEMÉRITOS

Muitos questionamentos vêm sendo direcionados à CRUZADA (e seus associados) em relação à notícia veiculada pelo globoesporte.com, no dia 30 de agosto de 2018, dando conta de que o VASCO DA GAMA “retirou a ação que contestava 28 beneméritos”.

Existem algumas explicações técnicas, eminentemente jurídicas, para esse movimento, porém não queremos nos estender no tecnicismo. Informamos, apenas, que o VASCO DA GAMA NÃO retirou a ação, que, na verdade, foi proposta por um associado do Clube. Assim, o processo seguirá seu curso normal.

Além disso, cabe ressaltar que os 28 (vinte e oito) Conselheiros já vinham participando e votando, aparentemente, por liberalidade do Presidente do Conselho Deliberativo. Com isso, o acordo realizado em juízo poderia acarretar em nulidade de todos os atos praticados anteriormente, o que seria de enorme retrocesso para o nosso Clube.
Independentemente do movimento do Departamento Jurídico do VASCO DA GAMA, na prática, nada foi mudado, já que todos os 28 (vinte e oito) Beneméritos mencionados na ação judicial podem continuar freqüentando e votando normalmente nas reuniões do Conselho Deliberativo – seja na condição de Conselheiro ou de Benemérito.

Os vascaínos não desconhecem que o Presidente Alexandre Campello vem tentado fortalecer a sua base política dentro do Conselho Deliberativo e, para isso, não é necessário um acordo com o Presidente do Conselho dos Beneméritos. A aproximação com os 28 (vinte e oito) Conselheiros, alguns dos quais possuem a condição de natos e outros ainda de eleitos, já vem ocorrendo de forma natural há algum tempo.

Tivemos o cuidado de levantar como se comportaram os 28 (vinte e oito) Conselheiros em questão na última reunião do Conselho Deliberativo: 12 (doze) conselheiros faltaram, 13 (treze) foram favoráveis ao empréstimo e 03 (três) do grupo Casaca! votaram pelo adiamento da deliberação. Além disso, destacamos que existem 02 (dois) Vice-Presidentes do Clube na lista.

O Conselho de Beneméritos é um poder moderador muito importante pro funcionamento do Vasco da Gama, por isso nós, da CRUZADA, discordamos como o processo de benemerência tem se dado desde a origem. Muitos são indicados e aprovados sem a pontuação mínima necessária e, não raro, com pontuações inferiores a 20% (vinte por cento) do requisitado oficialmente. No último processo onde foram indicados seis beneméritos, não foi muito diferente do que vem sendo praticado há algum tempo no Clube, infelizmente.

O problema é muito maior do que está sendo colocado, precisamos de melhores critérios nas indicações e avaliações. É muito importante uma reforma profunda que reveja os critérios para a concessão dos títulos honoríficos de forma que todos os indicados preencham devidamente as condições e sejam realmente merecedores de tamanha honraria do nosso Clube.

O quanto Você Gostou do Post?

Deixe Seu Comentário